Saladas: 4 dicas para que sejam saudáveis e pouco calóricas!

Saladas: 4 dicas para que sejam saudáveis e pouco calóricas!

saladas

Saladas são sempre consideradas opções saudáveis. Contudo, dependendo do que se coloca na sua confeção pode tornar-se altamente calórica ou até pouco saudável. Um exemplo simples é quando são usados molhos de compra para a temperar, carregados de conservantes e aditivos, muito pouco naturais.

É comum, sobretudo por causa do modo de vida acelerado de hoje em dia, ir a restaurantes fast-food para comer uma refeição rápida. De entre todas as opções – hambúrgueres, pizzas e fritos – é normal pensar que as saladas são a escolha segura e acertada. Afinal, têm verduras, vegetais e todos os outros ingredientes saudáveis que costumamos usar em casa e por isso achamos que continuamos a escolher refeições que nos ajudam a emagrecer.

No entanto, não raras vezes, estas saladas fast-food conseguem ser ainda mais calóricas e estragar a sua dieta do que se comesse outro produto alimentar que esses restaurantes disponibilizam. Isto não quer dizer que não possa optar pelas saladas nestes sítios. Apenas significa que tem que estar mais atento. Por isso, deixamos-lhe 4 dicas que deve ter em atenção nestas situações para que não corra o risco de ultrapassar a ténue linha entre uma salada saudável e uma carregada de aditivos, calorias e pobre nutricionalmente.

 

1. Esqueça a massa e escolha uma mistura de verduras

Em muitos restaurantes fast-food, é normal a salada vir com a opção de acrescentar massa. Este é um dos ingredientes que faz com que as calorias da salada aumentem e com que esta deixe de ser uma opção mais saudável. No que toca a verduras, não fique apenas pela alface. Junte à salada agrião, rúcula, espinafres, couve… As hortícolas são excelentes fontes de vitaminas, minerais e fibras, que fazem muito bem à sua saúde e tornam a salada ainda mais saudável. Acredite, esta dica faz a diferença numa dieta!

 

2. Tenha cuidado com o molho

O que pode muitas vezes comprometer as características saudáveis das saladas nos restaurantes de fast-food é o facto de serem regadas com imenso molho, pouco natural, carregado de aditivos, que aumenta o teor de gordura e de sal. É verdade que o molho pode realçar o sabor dos ingredientes da salada e acrescentar aquela ligação que pode estar a faltar. No entanto, em vez de escolher molhos com natas, manteiga, maionese, ketchup, opte por usar vinagre, limão, especiarias ou até mesmo um molho de iogurte, já que tem poucas calorias. Uma opção mais saudável para quem quer emagrecer.

 

3. Escolha a melhor proteína

Se quiser carne, opte pelas mais saudáveis. As carnes vermelhas têm mais gordura e, nos restaurantes de fast-food, nem sempre são preparadas da melhor forma. Se quer continuar a perder peso, com saúde, quando pedir uma salada saudável opte pela carne branca grelhada ou cozida. Uma salada de frango é uma excelente opção.

Pode ainda considerar um peixe cozido, às lascas, fica delicioso, o sempre tradicional atum, de preferência em água ou azeite ou ovos cozidos. Esqueça as delícias do mar. São altamente processadas, pobres nutricionalmente, não tem nada a ganhar com o seu consumo.

 

4. Elimine os extras da sua salada. Quanto mais simples, melhor.

O bacon, o queijo e as crostas de pão são ingredientes que estão quase sempre presentes nas saladas em cadeias fast-food. Elimine estas opções. O bacon pelas razões óbvias, tem muita gordura, aditivos e muitos até açúcar têm na composição. As crostas de pão, podem parecer inofensivas mas são fritos carregados de óleo, azeite ou manteiga. O queijo, na maioria das vezes, também não é o de melhor qualidade e tem aditivos adicionados. Ou seja, extras pouco saudáveis e extremamente calóricos, tudo o que não quer ter na sua salada.

 

Agora, quando tiver que almoçar ou jantar num restaurante de fast-food, já sabe o que pedir e como realmente tornar uma salada numa opção mais saudável. A receita é fácil: ingredientes o mais naturais possíveis conjugado com os alimentos menos calóricos. Estas dicas servem para essas ocasiões mas são igualmente válidas se fizer as saladas em sua casa.

Emagrecer e ter uma alimentação saudável não é fácil mas é uma questão de adoção de bons hábitos. As duas premissas estão relacionadas porque se fizer boas escolhas alimentares, vai perder peso e gordura corporal. É preciso é que esteja bem informado. As boas opções exigem informação e consciência. Ainda neste artigo desmistificamos o mito das saladas serem sempre saudáveis quando na verdade podem bem não o ser. Fundamentalmente é preciso que saiba o que pode e deve comer, quais opções são as melhores e as mais saudáveis. Para que esteja sempre bem informado, acompanhe o nosso blog. Escrevemos para si os melhores conteúdos sobre alimentação, vida saudável, bem-estar. Conteúdo interessante mas sobretudo verdadeiro e informativo. Subscreva o nosso blog e será notificado sempre que tivermos um novo artigo.

 


Comentários

Comentários

Translate »